Gasolina aumenta e chega a R$ 5,23 no Pará

O preço do litro da gasolina no Pará voltou a subir mais uma vez na última semana. Dados do Sistema de Levantamento de Preços, vinculado à Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), mostram que nas últimas quatro semanas (10 de junho a 7 de julho), os preços variaram e chegaram a cair, mas voltaram a crescer nos últimos dias. O reajuste autorizado às refinarias impactou em 1,07% no bolso do consumidor.

Segundo a ANP, em 10 de junho, ou seja uma semana após o término da greve dos caminhoneiros, quando os preços dos combustíveis dispararam em todo o país, a gasolina comercializada em Belém custava, em média, R$ 4,393. Uma semana depois o preço baixou para R$ 4,368 e depois para R$ 4,337. Antes mesmo da confirmação do reajuste na última sexta-feira (7), a primeira semana de julho registrou novo aumento nos postos da capital paraense, que foi de R$ 4,356, em média. Nessa mesma semana, o litro da gasolina chegou a ser vendido a R$ 4,590, registrando o maior valor do período.

No Pará, os municípios de Altamira e Alenquer venderam a gasolina mais cara do Estado nas últimas quatro semanas. Nesses locais, os consumidores pagaram no litro do combustível a R$ 5,158 e a R$ 4,977, respectivamente. Já em Ananindeua, na Grande Belém, os preços tiveram queda de R$ 4,344 para R$ 4,206. Com isso, o município teve o menor combustível registrado pela ANP no Pará.

preços

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos relacionados

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios