Festival Fartura – Comidas do Brasil Belém reúne mais de seis mil pessoas

O primeiro evento de 2018 da Plataforma Fartura foi especial. No último final de semana, dias 27 e 28 de janeiro, o Festival Fartura – Comidas do Brasil Belém trouxe mais de 50 atrações gastronômicas ao público da capital paraense. Chefs renomados de 10 estados brasileiros se reuniram na Estação das Docas, com aulas práticas e teóricas, produtos e ingredientes, além de muitos pratos deliciosos e experiências inesquecíveis.

Nos dois dias, seis mil pessoas passaram pelo evento, onde foram servidos mais de 15 mil pratos e cinco toneladas de alimentos preparados. Foram 15 atrações artísticas em um agradável final de semana que reuniu diversificada gastronomia, diversão e conteúdo.

No Espaço Chefs e Restaurantes e Petiscos, Lanches e Doces foram servidos pratos dos mais variados. Quem quis se deliciar com a gastronomia paraense, teve opções como a Arapuca de Pupunha, de Prazeres Quresma, ou a Pupunha com molho de moqueca e chips de banana, de Roberto Hundertmark. Já os interessados nos sabores de outros estados tiveram a oportunidade de saborear o Vatapá de Sururu com farofa de carne seca do chef cearense Leo Gonçalves, ou o Uai Pulled Pork, sanduíche com canela de porco braseada e requijão de raspa do mineiro Fred Trindade.

No Espaço Conhecimento, os especialistas em gastronomia deram aulas e palestras em suas áreas. Temas relevantes foram abordados, como “Tapajós – Seus encontros e sabores”, com Juana Galvão e chef Roger Carvalho; o paraense Thiago Castanho falou sobre “Belém cosmopolita – Como ingredientes amazônicos, em preparações não locais, podem contribuir para a manutenção da cultura amazônica”; a nutricionista Neide Rigo ensinou “Como espalhar os modelos de horta comunitária”; “Inclusão social através da gastronomia”, foi o tema das chefs Jussara Lunas e Morena Leite, entre vários outros.

O público aprendeu as mais diversas receitas no Espaço Interativo. Jussara Lunas ensinou o “Petit gâteau de Chocolate da Amazônia com creme de bacuri e crocante de tapioca”; “Pirarucú defumado com tutu de manteiguinha de Santarém”, foi o prato de Alexandre Barros; enquanto Daniela Martins deu todos os segredos da “Torta de castanha-do-Pará com cupuaçu e queijo cuia”, entre outras delícias.

Ver grandes chefs em ação e poder experimentar o prato direto da panela foi um deleite de quem assistiu as Cozinhas ao Vivo Ver o Peso – uma homenagem ao mais tradicional festival gastronômico da região. Lá foram preparados a “Paella Cabocla”, da boieira Eliana Ferreira; a “Mujica de trio de camarões e farinha de tapioca”, de Felipe Gemaque; o “Frito do Vaqueiro”, de Zezé Gama; o “Arroz de moqueca paraense”, da Mônica Rangel e “Brandade de pirarucu seco”, da chef Bel Coelho, além de outras receitas.

Ao final de tanta Fartura, o público ainda pode visitar o espaço Produtos e Produtores e levar produtos e ingredientes pra casa. Geleias, chocolates da amazônia, castanhas, cachaças, licores e muitas outras iguarias estavam disponíveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here