Como conversar com crianças sobre a morte?

Hoje eu queria falar de um tema difícil, mas necessário. Como conversar com crianças sobre a morte?

Será que os pais devem esperar o momento de passar por uma situação dessas para então falar sobre isso ou o certo é já ir tratando deste assunto, a morte, de uma maneira mais natural?

O psicólogo Julio Peres disse no programa Papo de Mãe que é importante sim tocar de vez em quando no assunto, ir preparando as crianças aos pouco a lidarem com a morte. e sem medo de usar esta palavra. É mais saudável conversar de uma maneira natural, colocar a morte como parte do ciclo da vida.

Para Julio Peres, a religiosidade e a espiritualidade de cada família ajudam muito nestes momentos. Mas dependendo da situação, a morte de alguém pode causar traumas e a criança talvez precise sim de um apoio psicológico.

Deixo como dica de leitura o livro de Julio Peres Trauma e Superação, que pode ajudar a enfrentar esses momentos difíceis. E, para as crianças, minha dica é Menina Nina, Duas razões para não chorar, do cartunista e escritor Ziraldo. No livro, Ziraldo conversa com a neta sobre a morte da avó.

Por Mariana Kotscho

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here